18o no geral e 1o lugar feminino!

8 06 2009

A Transportugal chegou ao fim e Manu manteve-se firme desde o início, melhorando sua performance em cada etapa, desde a 1a em Bragança, no domingo, 31 de maio, uma etapa com passagens em calçamentos antigos, um sobe e desce constante e o calor fazendo estragos, com abandonos de atletas sofrendo com os efeitos colaterais. 

“A primeira atleta a chegar à meta foi a Brasileira Manuela Vilaseca, com um sorriso de satisfação do dever cumprido. Chegou em 19º lugar, cerca de 2 horas depois dos primeiros.” – comentário retirado da newsletter da prova.

No dia seguinte, 2a etapa, Freixo de Espada à Cinta – Alfaiates, Manuela impôs seu ritmo as atletas americana e francesa e mesmo com um pneu furado com a troca demorada, não perdeu a sua colocação na geral.

No final do dia ela publicou no site da prova: “Na largada da segunda etapa da Transportugal já é possível sentir as conseqüências do primeiro dia. Dizem que a segunda etapa é mais tranqüila porque as subidas se concentram no início do percurso, e da metade em diante se pedala em lugares planos ou com leves inclinações. Isso é verdade quando pensamos que acabamos de vir de uma etapa onde subimos quase quatro mil metros, mas pedalar no plano não é nem um pouco fácil. É preciso que se faça força o tempo todo e não temos descidas para aliviar as pernas e levantar do selim.

O calor de hoje foi intenso e pedalamos por lugares descampados, que davam abertura para o sol e o vento e tornavam a etapa ainda mais dura. Porém a prova nos privilegia com as belíssimas cidades e lugares por onde passamos. Parabéns à organização da Transportugal que nos dá a oportunidade de fazer uma prova de superação, conhecendo um tão bonito país.”

A 3a etapa, Alfaiates – Ladoeiro, atravessando o último habitat do Lince Ibérico em Portugal, com sua vegetação baixa e piso com grande dificuldade, que derrubou e tirou da prova atletlas que não resistiram e caíram, Manu se manteve firme e percorreu os 112Km numa temperatura de 40 graus, chegando na frente das mulheres.

Ladoeiro – Castelo de Vide, 4a etapa, passando pelo Rio Tejo, cruzando uma zona plana e enfrentando na sequência subidas difíceis, quase impossíveis de serem feitas em cima da bicicleta. No final a grande dificuldade dos pisos medievais de Castelo de Vide.

 

163 Km, mais de 3.000 metros de acumulado, piso rochoso, esta foi a etapa mais longa mas o tempo ajudou e a temperatura esteve bem mais amena. Mais uma etapa na frente do pelotão feminino. 5a etapa concluída – Castelo de Vide – Monsaraz.

 

Etapa 6, Monsaraz – Albernoa, o vento foi o vilão, quando batia na lateral tirava os atletas para fora do percurso e de frente fez a prova aumentar 40 minutos em relação ao ano passado. Manu pedalou forte, puxando o pelotão que se formou para resistir ao vento e no final do percurso pedalou sozinha, liderando e deixando para tras definitivamente as mulheres da prova.

 

7a etapa, Albernoa – Monchique e 8a e última, Monchique – Sagres, a vantagem no pelotão feminino não foi mais problema porque a Manuela, sempre disposta a duelar com as dificuldades como o sistema de handicap, que a obrigava a correr atras das atletas que largavam na sua frente, a temperatura que atingiu 40 graus, a virada do tempo que causou muito vento contra e as adversidades do terreno, lhe renderam chegar em 1o lugar no feminino, apesar disso não representar, para a prova, subida no pódio.

 

A atleta da Equipe Merida Cat Eye TMP, mostrou mais uma vez que está preparada para enfrentar muitos desafios e vencê-los! Parabéns Manu!!!

 

Foi um prazer acompanhar a Manu nessa prova e ver como ela está bem emocionalmente para desafios deste nível.

 

Até a próxima,

 

Karla

 

 

 

 

Anúncios

Ações

Information

3 responses

8 06 2009
roberta Portas

aeeeeee manu!!!!
parabéns mais uma vez!!!
agora que vc tem reporter e fotógrafa de plantão só falta ter categoria feminina na prova!!!
bj
roberta

8 06 2009
Ri

oi manu…
PARABÉNS!!!!
fico muito feliz pelo seu resultado na prova.
espero que tenha gostado de percorrer Portugal de norte a sul!!
… é um país pequeno mas maravilhoso!! 😉
beijo grande.

8 06 2009
Agnelo Quelhas

Parabéns Manuela, foi bom ver como uma atleta como tu se impôs numa prova dominada quase sempre por homens. Conhecendo o terreno, para mim é incrível pensar como é possível as atletas femininas aguentares todas as adversidades que esta prova apresenta e ainda acabar em 18º da geral. Parabéns mais uma vez e bjs para ti e para a tua mãe pela simpatia que demonstraram ao longo da prova.

Agnelo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: